Notícias da Diocese › 06/02/2016

Paróquia Santo Antônio Celebra pela Segunda vez o Dia da Misericória com Diversas Atividades

Este dia cinco de fevereiro certamente foi um marco na história da comunidade da paróquia Santo Antônio em Salgueiro e não só dessa parcela, como de todas as demais paróquias que compõem o município sede da diocese, com a realização do segundo Dia da Misericórdia. Vale lembrar quem em novembro do ano passado, o Santo Padre Francisco inaugurou em todo o mundo o Ano da Misericórdia. Cada diocese do mundo deverá durante este ano realizar um dia por mês de ações pastorais, incentivando a prática das 14 obras de misericórdia corporais e espirituais elencadas no Catecismo da Igreja Católica – CIC. Em Salgueiro já é a segunda vez que as pastorais se unem para levar a comunidade o cumprimento do desejo papal de um mundo mais misericordioso.

Pela manhã, as sete horas,  a celebração da Santa Missa no interior da Catedral abriu as atividades do dia. Barracas temáticas foram erguidas na praça da sé. Os temas variavam entre o perdão, a misericórdia, o pecado, arrependimento, etc. Cada pastoral ficou responsável por desenvolver de forma criativa o tema a que fora designada. A criatividade foi sem limites, cartazes, panfletos com orações de perdão e misericórdia, venda de produtos religiosos, música ao vivo viabilizando a introspecção, tudo para levar até as pessoas que por ali passavam a beleza do amor de Deus e da sua misericórdia.

Por volta das dez horas teve início o período de confissões que se estendeu até as 17h. Estiveram confessando os Padres José Nilton (Catedral), Romilson (Vigário) e Orlando Natel (Parnamirim). As onze horas, houve a celebração de benção dos enfermos, na qual muitos doentes puderam despejar suas aflições corporais aos pés do Santíssimo Sacramento que estava exposto desde o final da missa da manhã. Foi-lhes conferida, também, a unção com o óleo dos enfermos, o mesmo usado na ministração do sacramento da Unção dos Enfermos, afim de recuperar-lhes, através das orações, a saúde do corpo e da alma.

O dia seguiu com o revesamento dos membros das pastorais nas barracas temáticas. Por volta das 18h, um momento de louvor e adoração a Jesus Sacramentado encerrou o Dia da Misericórdia, com a praça da Catedral lotada de fieis que durante todo o dia meditaram e exerceram as obras de misericórdia ou que se deixaram tocar pelo clamor da igreja por um mundo mais piedoso.

Por: PASCOM- Diocese de Salgueiro

Fotos: Netinho Freitas

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.